ITAJAÍ CHEGA AOS 164 ANOS COMO POTÊNCIA DO PRESENTE DE OLHO NO FUTURO

Em comemoração ao aniversário de 164 anos de Itajaí, celebrado neste sábado (15), serão distribuídas cinco mil fatias de bolo à população. O corte do bolo será a partir das 15h, na Praça Vidal Ramos (Marco Zero),

CASAL TENTA ESCONDER ARMA DE FOGO MAS ACABA PRESO PELA PM EM CRICIÚMA

- Advertisement -

 

O CRIME NUNCA COMPENSA

Fato ocorreu na noite da última terça-feira, 16, por volta das 20h30, quando a Polícia Militar recebeu uma denúncia de que um veículo estava transitando pelo bairro São João, em Criciúma. A informação dava conta de que o condutor estaria armado e apontando a arma para outros veículos que transitavam na via. Após realizar a abordagem, a arma de fogo foi apreendida.
Uma guarnição em rondas pelo local visualizou o referido veículo transitando em direção à rodovia Antônio Darós e realizou a abordagem. No interior do mesmo havia um casal e uma criança. Após revista minuciosa no condutor do veículo, nada de ilícito foi encontrado. Durante a abordagem a mulher e a criança ficaram sentadas na calçada em frente à igreja durante toda a abordagem. A revista não se estendeu à criança.
Instantes após serem liberados, os policiais localizaram um revólver calibre .38 com 18 munições intáctas que estava escondido entre as flores da calçada em que a mulher e a criança estavam sentadas.
Foi então que os policiais acionaram outras guarnições pelo rádio e abordaram novamente o veículo na rua Três Ribeirões, no bairro Liri, em Içara. O motorista contou que a arma de fogo era da sua mãe e que ela possui o registro, porém esqueceu dentro do automóvel. Além disso, relatou que ficou com medo de acontecer algo durante a abordagem e entregou o revólver para sua mulher, que deixou no meio das flores.
O casal foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil e o Conselho Tutelar foi acionado, sendo a criança entregue à avó materna.

Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News