PORTO BELO: EMPRESÁRIOS PATROCINAM CAMISETAS PARA ESCOLINHA DE VÔLEI

Jovens atletas participantes da escolinha de Vôlei da prefeitura de Porto Belo, a partir de agora estão devidamente uniformizados. Uma cerimônia para entrega das novas camisetas aos alunos da professora Guga foi realizada na última sexta-feira (17) no Ginásio de Esportes Antônio Brito, no bairro Vila Nova.

MAIOR NAVIO DE CRUZEIRO DO MUNDO É 5 VEZES MAIOR QUE O TITANIC

- Advertisement -

ICON OF THE SEAS DA ROYAL CARIBBEAN

O maior cruzeiro do mundo, com um total de 20 decks, oito bairros e 365 metros de comprimento, recebe os últimos retoques antes de sua primeira viagem marcada para janeiro de 2024. O navio Icon of the Seas, da Royal Caribbean International, fez seu primeiro teste em águas abertas em junho passado.
Cinco vezes maior que o Titanic, o gigante de 250.800 toneladas tem capacidade para quase dez mil pessoas: até 7.600 passageiros e 2.350 tripulantes. O navio contará com o maior parque aquático marítimo do mundo, com seis toboáguas de tamanho recorde. Além de sete piscinas, nove banheiras de hidromassagem, um simulador de surfe e mais de 40 restaurantes, bares e áreas de entretenimento. Uma particularidade é a gigantesca cúpula de cristal que cobre a proa. O Icon of the Seas passa pelas últimas obras no estaleiro Meyer Turku, um dos principais construtores navais da Europa, em Turku, na Finlândia.

Em seu interior, são 28 tipos diferentes de acomodações, com mais categorias para famílias, mais layouts com vista para o mar e mais espaço para viajantes em grupo. A Meyer Turku também tem dois outros navios de tamanho similar em sua carteira de pedidos.
— Os navios de cruzeiro ficaram maiores na última década — explica Alexis Papathanassis, professor de gestão de cruzeiros na Universidade de Ciências Aplicadas em Bremerhaven, Alemanha. Segundo ele, “há benefícios econômicos óbvios” para os grandes navios, pois reduzem o custo de cada passageiro ao fazer economias de escala. Com shoppings, uma pista de patinação no gelo e “mais lugares do que qualquer outro navio”, o “Icon of the Seas” também oferece mais lugares para gastar dinheiro a bordo.
A embarcação, que estará junto à frota da Royal Caribbean em 26 de outubro, promete ser um pico evolutivo da linha de cruzeiros, usando a tecnologia mais recente para construir uma “base perfeita”. O Icon of the Seas é o primeiro navio da Royal Caribbean International movido a gás natural liquefeito (GNL) e tecnologia de célula de combustível, como parte do movimento da empresa para um futuro de energia limpa. O aumento do tamanho dos navios continuará, prevê Papathanassis, mas em um ritmo mais lento devido ao contexto econômico. “Quanto maiores os navios, maiores são os custos de investimento e o conhecimento tecnológico exigido. E o conhecimento tecnológico não é barato”, explica.

O Icon of the Seas é o primeiro navio da Royal Caribbean International movido a gás natural liquefeito (GNL) e tecnologia de célula de combustível. O Icon of the Seas navegará em férias de sete noites no Caribe Oriental e Ocidental partindo de Miami o ano todo. Cada viagem incluirá uma visita ao Perfect Day at CocoCay, o premiado destino de ilha particular da Royal Caribbean, bem como sua nova expansão, Hideaway Beach.
O atual detentor do título de maior navio de cruzeiro do mundo é a embarcação Wonder of the Seas, também da Royal Caribbean. Inaugurado no ano passado, o gigante tem aproximadamente 362 metros de comprimento, mas apenas 18 decks – dois a menor que seu irmão, Icon of the Seas.

Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News