DEFESA CIVIL ALERTA PARA VOLUMES ALTOS DE CHUVA NO RS

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul emitiu na noite de terça-feira (21) um novo alerta para chuvas intensas no estado, com volumes que podem ficar entre 120 mm e 150 mm na metade sul do estado para os próximos dois dias. 

MJSP LANÇA SÉRIE DE ATIVIDADES DO DIA MUNDIAL DO CONSUMIDOR

- Advertisement -

 

Secretaria prepara para amanhã, dia 15/3, a apresentação de iniciativas que visam a proteção e defesa de consumidoras e consumidores

BRASÍLIA – A Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Senacon/MJSP) lança, nesta quarta-feira (15), Dia Internacional do Consumidor, uma série de atividades com ações voltadas para a proteção e defesa das cidadãs e cidadãos brasileiros que fazem compras tanto de maneira presencial quanto on-line.
Entre as ações a serem divulgadas está o Boletim consumidor.gov.br com as empresas que mais receberam reclamações dos brasileiros, em 2022, por meio do site consumidor.gov.br; o Boletim Sindec e ProConsumidor, com os números das principais ocorrências registradas nessas plataformas pelos órgãos do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor, como os Procons; o Boletim Consumidor em Números, que consolida os dois primeiros boletins e adiciona dados da Escola Nacional de Defesa do Consumidor, com os números de cursos oferecidos e alunos matriculados.
Além disso, a Escola Nacional de Defesa do Consumidor fará, no mesmo dia 15, o lançamento de dois cursos: um sobre proteção de dados e outro sobre o mercado de combustíveis. Este último em parceria com a Agência Nacional do Petróleo (ANP). Serão abertas as inscrições de ambos os cursos no Dia Internacional do Consumidor.
“O dia 15 de março é o Dia Internacional do Consumidor e da Consumidora. E nós, aqui na Senacon, estamos organizando uma série de atividades, de condutas e de medidas, com o objetivo de aperfeiçoar a nossa relação com os consumidores e consumidoras brasileiras”, afirma o secretário Nacional do Consumidor, Wadih Damous.
Nesse sentido, de acordo com o secretário, foi editada, em uma iniciativa inédita, nota técnica com as diretrizes de como a mulher consumidora deve ser tratada nas peças publicitárias. “Ou seja, de como ela não deve ser tratada. Ela não deve ser tratada como um objeto, como uma simples persona. Ou sexualizada. A mulher deve ser tratada como consumidora”, define Wadih Damous.

Cooperação técnica

Ao mesmo tempo, a Senacon vai apresentar um acordo de cooperação técnica com o Instituto Brasileiro de Política e Direito do Consumidor. A parceria tem o objetivo de criar o conteúdo de um curso sobre super endividamento, um dos principais problemas econômicos que afligem a população brasileira. Além dessas ações, há a campanha #somostodosconsumidores feita em parceria com a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor. A campanha está acontecendo nas redes sociais desde o dia 6 deste mês. No dia 15, ela se transforma em #somostodosconsumidores. A campanha divulga direitos e enaltece a harmonização do mercado de consumo.

Nota Técnica

Para encerrar o pacote de ações, a Senacon organiza um encontro com um grupo de mulheres para apresentação da Nota Técnica com as diretrizes de proteção e defesa das consumidoras, documento divulgado no dia 8 de março passado, Dia Internacional da Mulher. Ao todo, são 10 diretrizes de orientação ao Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC): igualdade de gênero e não discriminação; proteção de direitos das mulheres consumidoras; educação e conscientização; comunicação não sexista; preços justos e igualdade de acesso; garantia de segurança e qualidade; participação das mulheres na tomada de decisão; cooperação e parceria; regulamentação e fiscalização; e promoção de ações afirmativas.

Direitos da mulher

A Senacon terá ainda campanha própria de valorização de direitos da mulher consumidora em parceria com a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor. Além disso, o sistema passa a ter subsídios para intensificar as fiscalizações relacionadas ao tema.
“Estamos também elaborando e que será lançado nesta quarta-feira, dia 15, o nosso boletim. Nele, haverá o ranking das empresas mais reclamadas nos diversos Procons dos estados e estamos preparando diversos cursos. Para que, pedagogicamente, ensinemos um consumo mais sustentável. Queremos fazer com que os consumidores não se arruínem ao consumir. E, obviamente, nesse sentido, a questão do super endividamento é nossa prioridade. Essas são algumas das medidas e temas que vamos tratar no dia 15 sem prejuízo de outros assuntos que também são muito importantes na atividade de consumo”, definiu o secretário.

Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News