NADA DE TESLA: HOJE A CHINA DOMINA A PRODUÇÃO E USO DE CARROS ELÉTRICOS

- Advertisement -

 

CARROS ELÉTRICOS SÃO MENOS POLUENTES

A Tesla pode até ser a fabricante mais famosa, mas quem mais produz e utiliza carros elétricos (EV – sigla em inglês) no planeta são os chineses. A maior fabricante mundial de EVs é a chinesa BYD. Em 2022, a empresa vendeu 640 mil unidades de carros leves, só no primeiro semestre do ano. A Tesla ficou bem atrás, com 400 mil unidades comercializadas — e muitas delas para o mercado chinês. Os dados são da EV-Volumes, consultoria europeia que consolida dados deste mercado.
Ainda segundo a EV-Volumes, ao longo do último ano, os chineses produziram 6,7 milhões de veículos totalmente elétricos. O número é precisamente 1,8 vezes maior que a soma dos 2,6 milhões de EVs feitos na América do Norte com 1,1 milhão montado na União Europeia.

CHINESES À FRENTE
Na China, mais de 20% da frota nacional é elétrica, o que representa 59% de todo o mercado mundial de EVs. Ou seja: a cada 10 carros elétricos rodando no mundo, 6 deles estão nas ruas e estradas da China. Os demais 4, estão em qualquer outra parte do mundo. Além da BYD, marcas como Li Auto, Xpeng Changan e Great Wall Motors disputam a preferência do consumidor doméstico chinês.
A redução da poluição atmosférica já é percebida em Pequim. Mais do que uma estratégia para liderar o mercado mundial de carros elétricos, a China aposta nesta matriz de mobilidade para reduzir sua dependência de petróleo. Atualmente, o país é o segundo maior consumidor do mundo, respondendo por 15% de toda demanda global pelo óleo.

Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News