PF identifica e impede entrada de foragido no país

- Advertisement -


.

Belo Horizonte/MG – Na noite de quarta-feira (2/9), retornou ao país de origem um italiano, de 61 anos. Ele possui em seu desfavor Difusão Vermelha da Interpol por crime de fraude contra a administração pública da Tunísia.

O italiano chegou ao país na madrugada de segunda-feira, 31 de agosto, pelo Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins/MG, quando, em fiscalização migratória de rotina feita pela Polícia Federal, foi identificado como procurado internacional. Segundo consta na Difusão Vermelha demandada pela Tunísia, o foragido teria importado mármore da Itália para aquele país, fraudando documentos fiscais para pagar menos impostos de importação. Existe contra ele um mandado de prisão válido até 31/12/2023. Por não haver tratado de extradição entre Brasil e Tunísia, foi impedida a entrada do procurado no país.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando para a manutenção da lei e da ordem, preservando o Estado Democrático de Direito.

  

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

cs.srmg@dpf.gov.br | www.pf.gov.br

Contato: (31) 3330-5270

Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News