- Advertisement -
InícioFLORIANÓPOLISPortas abertas para o mercado de trabalho: Floripa Mais Empregos forma 120...

Portas abertas para o mercado de trabalho: Floripa Mais Empregos forma 120 Desenvolvedores de Software e 30 Assistentes de RH em parceria com a UFSC

- Advertisement -


Ajay Mohan é um indiano naturalizado brasileiro há oito anos, casado com uma brasileira e pai de uma menina. Formado em engenharia aeronáutica, perdeu o emprego e estava buscando uma nova área de atuação quando soube dos cursos de extensão oferecidos pela parceria entre Prefeitura de Florianópolis e Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) por meio do Floripa Mais Empregos. Ajay é um dos alunos formados na primeira turma de Desenvolvedor de Software, e recebeu o diploma na última segunda-feira (13), durante a solenidade de formatura na Acate, em Florianópolis, que contou com as presenças do prefeito Gean Loureiro e do Vice, Topázio Neto. “Gostei demais do curso e do conteúdo, realmente estou disposto a migrar de área e com boas perspectivas de trabalho. Foi uma grande oportunidade que se abriu”, disse.

Assim como Ajay, outros 119 alunos concluíram o curso de Desenvolvedores e mais 30 o de Assistente de Recursos Humanos, oferecidos gratuitamente desde agosto na UFSC.

Outra turma, a de Cuidadores de Idosos, se forma também nesta semana. Todos os cursos foram ministrados online de forma síncrona, e tiveram 180 horas de duração. As áreas de capacitação foram definidas a partir de demandas trazidas pelos segmentos econômicos de Florianópolis, por meio de um levantamento junto às entidades que representam os maiores setores econômicos da cidade para identificar onde faltavam profissionais e sobravam vagas. 

“É preciso força de vontade dos dois lados. Alunos e professores estudando online por quase 200 horas, muitas vezes depois de uma jornada cansativa. Quando entregamos uma turma de formandos de alto nível, como hoje, sabemos que estamos cumprindo nossa função como Prefeitura”, disse o vice-prefeito Topázio Neto. Ele usou o exemplo de Ajay para ilustrar a determinação da turma. “Ele viu no curso da UFSC a possibilidade de ter seu primeiro certificado brasileiro de qualificação e agora está na expectativa de uma nova janela de oportunidade nesse mercado promissor que é o de tecnologia, que está precisando de gente qualificada”.

Topázio antecipou que a Prefeitura está com novos projetos de capacitação para 2022. Nosso objetivo como cidade inteligente é ter o cidadão no centro da decisão, com crescimento econômico e redução de desigualdades”, completou.

Para o professor Rogério Cid Bastos. Pró-Reitor de Extensão da UFSC, a extensão é o braço da UFSC para a sociedade “Com esta parceria, nós estamos efetivamente cumprindo essa missão”, disse.

*Mercado de tecnologia* – No início do curso de Desenvolvedor de Softwares, quase metade dos alunos estava sem trabalho e quase 60% não tinham conhecimento em linguagem de programação. Entre os alunos, chama atenção a diversidade de perfis e interesses: jovens, pessoas acima de 50 anos, alguns querendo se colocar no mercado, outros buscando uma recolocação ou mudança de carreira. Alguns já conseguiram trabalho a partir do início do curso. O próprio Floripa Mais Empregos faz interlocução com a Acate e outras organizações do setor que buscam profissionais.

O vice-presidente de Talentos da Acate, Moacir Marafon, presente na formatura, informou que nos próximos três anos, o mercado de tecnologia de Florianópolis deve contratar mais de oito mil trabalhadores.


- Advertisement -
- Advertisement -
Social
15,000FãsCurtir
10,000SeguidoresSeguir
5,000SeguidoresSeguir
500InscritosInscrever
Ultimas Nóticias
- Advertisement -
Recem postados
- Advertisement -