terça-feira, abril 16, 2024

Procon de Florianópolis orienta consumidores na compra de presentes para o dia das crianças

- Advertisement -


Nesta terça-feira, 12/10, comemora-se o Dia das Crianças no Brasil. Para isso, o órgão de Defesa do Cidadão de Florianópolis elaborou algumas dicas importantes para orientar os consumidores na hora de fazer suas compras.

O Procon Municipal da Prefeitura de Florianópolis orienta o consumidor, primeiramente, a pesquisar o valor do mesmo produto em diferentes lojas. A pesquisa de preço é necessária para que o consumidor avalie se as propostas das empresas concorrentes se enquadram nos preços de mercado, não estando nem muito acima da faixa média, e também nem muito abaixo do preço mínimo.

É importante que o consumidor verifique a faixa etária do brinquedo para a segurança da criança. O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO), alerta os consumidores sobre a necessidade de atenção na hora da compra de presentes, principalmente, brinquedos. 

O selo do Inmetro é concedido depois que o produto passa por vários procedimentos de segurança. Dados recentes do Sistema Inmetro de Monitoramento de Acidentes de Consumo (SINMAC) relata que os brinquedos são o segundo produto mais reclamado, representando, aproximadamente, 10% de acidentes com crianças. 

 
Também é importante que o consumidor exija a nota fiscal do produto para uma possível troca. Além de comprovar a garantia, informa o tipo, modelo, marca, série e assegura o direito na hora de registrar uma reclamação ao Procon Municipal de Florianópolis.
Segundo o Superintendente do Procon, Michel Polli Mendes, deve-se priorizar a segurança e a saúde das crianças. “Fique sempre atento às recomendações das embalagens, especialmente quando conter peças pequenas que possam ser engolidas. Atenção às ofertas e às promoções e em caso de dúvida procure mais informações antes de concretizar a compra”.


Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News