XAXIM: GAECO DEFLAGRA OPERAÇÃO A FIM DE DESARTICULAR ORGANIZAÇÕES CRIMINOSAS

- Advertisement -

TRATA-SE DA OPERAÇÃO “SODALITAS FINIS”

Neste momento, estão sendo cumpridos 74 mandados de prisão preventiva, 5 mandados de prisão temporária e 97 mandados de busca e apreensão em diversas cidades do Estado de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
Na manhã desta terça-feira (22/08), o GAECO deflagrou a Operação ‘Sodalitas Finis’ (Fim do grupo), com o objetivo principal de desarticular uma das maiores organizações criminosas em atividade no Estado. Neste momento, estão sendo cumpridos de 74 mandados de prisão preventiva, 5 mandados de prisão temporária e 97 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de Xaxim, a pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC).

As ordens judiciais são cumpridas por um efetivo de 470 integrantes das Polícias Civil, Militar, Penal, Rodoviária Federal, Batalhão de Aviação da Polícia Militar (BAPM) de Lages e Serviço Aeropolicial de Fronteira – SAERFron de Chapecó. A Polícia Científica e a Guarda Municipal de Chapecó também prestam apoio à operação.
Os fatos são investigados em procedimento investigatório criminal (PIC) instaurado pela 2ª Promotoria da Comarca de Xaxim, que busca apurar a ocorrência de organização criminosa e diversos outros crimes.
Cidades onde estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão e mandados de prisão: Xaxim, Chapecó, Xanxerê, Águas de Chapecó, Campos Novos, Catanduvas, Coronel Freitas, Formosa do Sul, Joaçaba, Caçador, Barra Velha, Biguaçu, Blumenau, Itajaí, Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Lages, Ponte Alta, Penha, Tubarão, além de Venâncio Aires e Lajeado/RS.
A Operação “Sodalitas Finis” é resultado de meses de investigação unindo esforços de diversas unidades de segurança do Estado e é uma resposta clara e direta contra as atividades do crime organizado.

O nome “Sodalitas Finis”, ou ‘o fim do grupo’ em tradução livre, foi escolhido em alusão à meta principal desta operação: desarticular as atividades da organização criminosa na cidade de Xaxim e região próxima, cujos criminosos são responsáveis por uma ampla variedade de crimes graves, incluindo tráfico de drogas em larga escala, homicídios, roubos, entre outros. A investigação tramita em sigilo e, assim que houver a publicidade dos autos, novas informações poderão ser divulgadas.

GAECO

O GAECO é uma força-tarefa composta, em Santa Catarina, pelo Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Penal, Receita Estadual e Corpo de Bombeiros Militar, e tem como finalidade a identificação, prevenção e repressão às organizações criminosas.

Redação
Redaçãohttps://www.instagram.com/folhadoestadosc/
Portal do notícias Folha do Estado especializado em jornalismo investigativo e de denúncias, há 20 anos, ajudando a escrever a história dos catarinenses.
- Advertisement -
Must Read
- Advertisement -
Related News